quarta-feira, 16 de dezembro de 2009

Recomeço das obras e acção contra a ARHT

Como seguramente já se aperceberam, as obras recomeçaram no campo de golfe, destruindo vegetação que tinha nascido entretanto e coberto vegetal em zonas anteriormente ainda não intervencionadas, numa clara afonta à decisão do tribunal, para já não falar da ilegalidade de obras desta natureza em pleno leito de cheias...

Posto isto, seremos obrigados mais uma vez a denunciar esta situação junto do Tribunal Administrativo e Fiscal de Sintra, pedindo-lhe que tome medidas para assegurar o cumprimento da sua decisão.

Por outro lado, a Autoridade da Região Hidrográfica do Tejo (ARHT) não deu (mais uma vez) resposta ao nosso pedido de informações, pelo que iremos intentar brevemente a correspondente acção judicial de intimação para prestação de informações. Relembramos que esta autoridade tutela uma boa parte dos terrenos em causa, por serem integrantes do domínio público hídrico, mas até à data, não temos visto que esteja a cumprir a sua missão.

1 comentário:

  1. O propósito inicial do Jamor seria um espaço desportivo onde todas as modalidades teriam o seu espaço, como o Golfe. Pelo que eu já pesquisei, a área do campo público de Golfe ocupará 10% do total da área do Jamor. Há muito espaço no Jamor para passear, portanto não me parece mal este espaço para tal fim. Do projecto inicial do Jamor estavam previstos um Velódromo e um Centro Hípico. Agora, já não dá, está lá a estrada. Disso vocês não falam. Nem do projecto do Estádio de Ténis, que finalmente tem o seu espaço definido, com todos os benefícios que daí hão-de vir para o torneio e, consequentemente, para a promoção turística do nosso país no estrangeiro. A ideia com que se fica é que vocês estão pouco ou nada preocupados com a vertente desportiva e o que daí resulta em termos de interesse nacional e sim preocupados com o espaço para vocês passearem ou correrem, como se não houvesse espaço mais do que suficiente para isso. Quanto a mim, há espaço que chegue para isso, junto à zona da pista de canoagem e até nos intervalos dos recintos desportivos já existentes.

    ResponderEliminar