terça-feira, 8 de junho de 2010

Obras do campo de golfe e lixo do Estoril Open

Como os utilizadores diários do CDJ já se devem ter apercebido, as obras do campo de golfe pararam. Não sabemos se é porque resolveram (finalmente) render-se à evidência de que a obra é ilegal e que mais tarde ou mais cedo terá de parar ou é, mais simplesmente, porque acabou o dinheiro. Se for este último o motivo, é caso para dizer que há crises que vêm por bem. Realmente, num país que tem de cortar nas prestações sociais, não faz sentido torrar milhões em campos de golfe... ainda por cima ilegais!

Quanto ao Estoril Open, quase um mês depois do "evento", a rebaldaria e o lixo continuam. Há montes de materiais empilhados um bocado ao calhas, pavilhões por desmontar, lixo, buracos no chão... Como é possível?

Sem comentários:

Enviar um comentário